Ataque contra centro policial deixa 15 mortos e 85 feridos no Afeganistão

Cabul, 17 out (EFE).- Pelo menos 15 pessoas morreram e outras 85 ficaram feridas, em sua maioria membros das forças de segurança, no ataque talibã ocorrido nesta terça-feira, contra uma instalação da polícia na província de Paktia, no leste do Afeganistão.

"Temos mais de uma centena de vítimas entre mortos e feridos. A informação inicial mostra mais de 15 mortos e o restante, cerca de 85 feridos, na sua maioria membros das forças de segurança", afirmou o vice-governador de Paktia, Abdul Wali Sahi.

O vice-governador acrescentou que o local do ataque está neste momento "calmo", embora tenha anotado que a operação para limpar a área continua, por isso o número de vítimas pode aumentar.

"A busca pelas vítimas entre as ruínas e o edifício prossegue", explicou Sahi, revelando que o chefe da polícia local, Toryalai Abyani, esta "ferido gravemente (mas) ainda está com vida".

De acordo com Abdul Wali Sahi, ainda não está claro o número de participantes do ataques e não se sabe se algum deles ainda está escondido nas instalações.

O Ministério do Interior afegão tinha confirmado anteriormente a morte de pelo menos "dois dos atacantes".

O ataque aconteceu por volta das 9h30 (horário local, 3h de Brasília), no quartel de Gardiz, capital de Paktia, e onde a polícia tem a sua sede principal para as províncias de Paktia, Paktika, Khost e Logar.

O porta-voz do governador de Paktia, Abdullah Hasrat, disse à Agência Efe que o ataque começou quando um homem-bomba detonou os explosivos que estavam presos em seu corpo, abrindo passagem para um carro-bomba que seguiu a detonação.

"Os dois ataques aconteceram contra a primeira entrada do quartel da polícia", afirmou a fonte.

Este mesmo quartel já foi alvo de um ataque talibã, no mês de junho, quando 11 pessoas morreram e 20 ficaram feridas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos