Milhares protestam em Barcelona por liberdade para líderes independentistas

Barcelona (Espanha), 17 out (EFE).- Cerca de 200 mil pessoas se reuniram no centro de Barcelona nesta terça-feira para pedir a liberdade dos líderes das duas organizações que defendem a independência da Catalunha que foram presos preventivamente pelo crime de insurreição, uma medida considerada como "política".

A juíza da Audiência Nacional da Espanha Carmen Lamela decretou ontem a prisão sem fiança de Jordi Sánchez, da Assembleia Nacional Catalã (ANC), e Jordi Cuixart, da Òmnium Cultural.

A magistrada os acusou de promover o assédio à Guarda Civil da Espanha no último dia 20 de setembro, durante uma operação realizada para impedir o referendo organizado em outubro, considerado ilegal e suspenso pelo Tribunal Constitucional do país.

Os manifestantes seguravam velas acesas, que foram distribuídas pela ANC, que aproveitou o ato para pedir doações para o "caixa solidário" criado para que os líderes da organização consigam resolver seus problemas judiciais por causa da atuação na independência da Catalunha.

A atriz catalã Sílvia Bel leu um manifesto que dizia que o "governo da Espanha voltou a cruzar uma linha vermelha de qualquer democracia na Europa do século XXI". "Prender os líderes separatistas é um grande erro que põe em risco os valores democráticos da Constituição", completou.

"O Estado atua como uma ditadura: nos julgam e nos privam de liberdade por manifestarmos pacificamente. Encarcerar representantes da sociedade civil faz parte da estratégia do Estado para criar tensão e radicalizar um conflito político", dizia o manifesto.

Além disso, os manifestantes afirmaram que a prisão de Sánchez e Cuixart é injusta e ilegal, exigindo a liberdade imediata de ambos.

Protestos similares também foram realizados nas cidades catalãs de Girona, Reus e Tarragona.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos