Exército sírio lança grande ofensiva em área onde morreu general

Beirute, 19 out (EFE).- O exército da Síria lançou nesta quinta-feira um ataque de grande escala contra o grupo terrorista Estado Islâmico (EI) na área de Huiya Sakr, na cidade de Deir ez-Zor, onde ontem morreu um importante general do corpo de elite da Guarda Republicana.

Unidades militares iniciaram uma operação para recuperar o controle total de Huiya Sakr, que é uma ilha sobre o rio Eufrates em sua passagem por Deir ez-Zor, e avançou pela área, onde matou um número indeterminado de extremistas e destruiu vários dos seus veículos, segundo informou a agência de notícias síria "Sana".

O general Esam Zahredin, comandante da Brigada 104 da Guarda Republicana síria, morreu ontem em decorrência explosão de uma mina em Huiya Sakr.

Zahredin, de 56 anos, era uma figura conhecida entre os partidários do presidente sírio, Bashar al Assad, que o apelidavam de "Leão da Guarda Republicana" e que resistiu durante três anos ao cerco do EI na cidade de Deir ez-Zor.

A agência acrescentou que os soldados retomaram hoje uma fábrica de papel e o bairro de Al Aslah al Hasinia nessa cidade e que prosseguiram seu avanço pela margem leste do Eufrates (a cidade de Deir ez-Zor fica na ribeira oeste) em direção ao povoado de Al Yenin.

Enquanto isso, em Mayadin, 46 quilômetros ao sul de Deir ez-Zor, homens do exército continuam a limpeza de minas e de artefatos explosivos colocados pelos radicais nesta cidade, cujo controle o governo retomou no último final de semana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos