Ataque da Al Qaeda mata 4 soldados iemenitas no sul do Iêmen

Sana, 23 out (EFE).- Pelo menos quatro soldados das forças de segurança iemenitas morreram e outros nove ficaram feridos em um ataque com carro-bomba cometido pelo grupo terrorista Al Qaeda na província de Abian, no sul do Iêmen, informaram nesta segunda-feira à Agência Efe fontes oficiais.

Um veículo explodiu na sede das milícias iemenitas chamadas "Cinturão de Segurança", apoiadas pelos Emirados Árabes Unidos, que lideram junto com a Arábia Saudita a coalizão árabe que luta contra os rebeldes houthis xiitas, na área de Mudiya, em Abian, indicaram as fontes.

Cinco membros da Al Qaeda estavam nesse veículo quando um deles o fez explodir no pátio da sede, enquanto que os demais saíram do carro blindado.

Os quatro jihadistas morreram no confronto com as forças de segurança iemenitas na mesma sede, depois que o suicida detonou o veículo, segundo as fontes.

Os combatentes da Al Qaeda ocupam áreas de Abian após terem sido expulsos da capital provincial, Zinyibar, e da cidade vizinha de Yaar em agosto de 2016.

Al Qaeda aproveitou o conflito entre as forças leais ao presidente iemenita, Abdo Rabu Mansur Hadi, e os rebeldes houthis para controlar várias cidades do sul do Iêmen.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos