Passagem do potente tufão "Lan" pelo Japão deixa 5 mortos

Tóquio, 23 out (EFE).- O tufão "Lan" deixou até o momento pelo menos cinco mortos e 132 feridos em sua passagem pelo Japão, onde as chuvas torrenciais e fortes ventos causaram inundações e deslizamentos de terra que forçaram a evacuação de cerca de 44.000 pessoas.

"Lan", o 21º tufão da temporada no Pacífico, tocou terra na província de Shizuoka por volta de 3h (horário local, 16h de domingo em Brasília), alterando significativamente o transporte no país asiático.

O fenômeno deixou 800 milímetros de precipitações em 48 horas até a noite de domingo na província de Wakayama e de 700 milímetros em Mie (ambas ao oeste), onde um homem de 29 anos foi achado morto hoje no interior de um carro submerso, segundo informou a agência japonesa "Kyodo".

Na cidade de Fukuoka (sudoeste), outro homem de 63 anos morreu após ser atingido pelo andaime de uma obra próxima ao lugar onde transitava, que foi derrubado pelas fortes sequências de vento.

Na província de Yamaguchi (sudoeste), um homem de 70 anos morreu no mar enquanto tentava chegar a outra embarcação depois que seu barco sofreu problemas de motor, enquanto em Wakayama outro idoso de 82 anos foi resgatado inconsciente depois que sua casa foi sepultada por um deslizamento de terra.

As outras duas vítimas foram registradas na província de Osaka (oeste), onde uma mulher de 68 anos foi achada morta em um carro afundado na cidade de Kishiwada, e um homem de 80 anos morreu após cair e bater a cabeça na cidade de Osaka.

Além dos cinco mortos, o tufão deixou 132 feridos em todo o país, detalhou a emissora estatal "NHK", e forçou a evacuação de cerca de 44.000 pessoas e a recomendação de evacuação de outras milhares.

Vários rios do território japonês transbordaram em consequência das chuvas torrenciais, entre eles o rio Uda, de Mie, o Yamato, de Nara, e o Omoto, de Iwate, onde as emissoras captaram imagens de resgates em áreas inundadas.

As duas principais companhias aéreas japonesas, Japan Airlines (JAL) e All Nippon Airways (ANA), cancelaram hoje 170 voos nacionais e internacionais afetando 25.000 passageiros, enquanto o serviço de trem-bala também se viu temporalmente alterado.

A expectativa é que "Lan", que se encontrava agora pouco cerca de 300 quilômetros ao sul da cidade de Kushiro, na ilha de Hokkaido, se rebaixe para a categoria de ciclone extratropical esta noite.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos