PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Justin Trudeau afirma que "Canadá reconhece uma Espanha unida"

27/10/2017 19h38

Toronto, 27 out (EFE).- O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, disse nesta sexta-feira em Québec que seu país "reconhece uma Espanha unida".

Trudeau fez essa declaração durante um ato público em resposta a perguntas dos jornalistas, após o Parlamento da região espanhola da Catalunha aprovar uma resolução para desenvolver o marco legal de uma "república" independente da Espanha.

O premiê canadense acrescentou que as discussões que entre a Espanha e a Catalunha têm que transcorrer de acordo com as leis e com a Constituição espanhola.

"Entendemos que há significantes discussões internas que estão acontecendo atualmente e simplesmente solicitamos que essas discussões sejam feitas de acordo com a lei, de acordo com a Constituição espanhola e de acordo com os princípios da lei internacional".

Trudeau acrescentou que "essas conversas e discussões têm que acontecer de forma pacífica e sem violência".

As declarações do primeiro-ministro aconteceram na província canadense do Québec, onde existe um grande movimento separatista.

A rejeição de Trudeau à independência da Catalunha contrasta com o pronunciamento de hoje do líder do Partido Quebequense (PQ), Jean-Francois Lisée, que expressou no Twitter que sua legenda reconhece a independência catalã.

Internacional