Juncker pede unidade e estabilidade para resolver situação na Catalunha

Lisboa, 28 out (EFE).- O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, pediu unidade e estabilidade para a resolução da situação na Catalunha.

"Para mim é uma questão legal, política, mas, acima de tudo, humana. Nestes três planos, acredito que é tempo de apelar à unidade e à estabilidade", disse Juncker em uma breve entrevista publicada neste sábado pela revista portuguesa "Expresso".

Perguntado se a Europa pode ajudar a resolver a situação, reiterou que "não é papel da União Europeia mediar o problema" e afirmou que a primazia da lei é "um bem prezado da Europa e devemos protegê-lo".

"Devemos respeitar as constituições de nossos Estados-membros, as decisões do Tribunal Constitucional espanhol e a opinião do parlamento espanhol", concluiu Juncker.

A declaração unilateral de independência da Catalunha foi rejeitada pelos principais países ocidentais e instituições como a União Europeia, a ONU e a OTAN.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos