Chuvas deixam 31 mortos e mais de 421 mil afetados na Guatemala em 2017

Cidade da Guatemala, 29 out (EFE).- A temporada de chuvas de 2017 deixou 31 mortos na Guatemala e mais de 421 mil atingidos, informaram neste domingo as autoridades de defesa civil.

De acordo com os registros da Coordenadoria Nacional para a Redução de Desastres (Conred), as chuvas de inverno causaram 31 mortos no total, além de 26 feridos e quatro desaparecidos.

As chuvas também causaram danos aos pertences de 11.271 guatemaltecos e deixou 409.886 desabrigados, que sofreram com sérias inundações em diferentes regiões do interior do país.

Segundo as autoridades, o inverno de 2017 foi o mais chuvoso dos últimos 25 anos na Guatemala, onde 38.128 pessoas tiveram que deixar suas casas 8.284 foram alojadas em abrigos.

O período de precipitações no país centro-americano começou em maio passado e vai até novembro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos