Ataque em área diplomática deixa ao menos 4 mortos e 20 feridos em Cabul

(Eleva número de mortos e feridos)

Cabul, 31 out (EFE).- Pelo menos quatro pessoas morreram e outras 20 ficaram feridas nesta terça-feira em um atentado na área diplomática de Cabul, capital do Afeganistão, onde ficam várias embaixadas e escritórios do governo, em horário de grande fluxo de pessoas, informaram à Agência Efe fontes oficiais.

"Quatro cidadãos afegãos morreram, entre eles uma mulher" por causa do ataque, no qual também morreu o agressor, que tinha "entre 10 e 12 anos" e carregava os explosivos, disse o porta-voz da polícia de Cabul, Basir Mujahid.

De acordo com o policial, "a explosão ocorreu na Rua 14 de Wazir Akbar Khan, mas ainda não está claro se foi um ataque suicida ou se os explosivos foram instalados na região". O porta-voz acrescentou que o número de vítimas pode ser maior e garantiu que várias equipes da polícia foram enviadas à região.

O porta-voz do Ministério da Saúde Pública, Ismail Kawusi, indicou que, até o momento, 20 feridos foram transferidos de ambulância até os hospitais da região.

O atentado aconteceu na zona diplomática da cidade, cuja presença das forças de segurança é intensa e aonde não é permitida a entrada de caminhões depois que um veículo como este, lotado de explosivos, foi utilizado em um ataque na região em 31 de maio e deixou 150 mortos e centenas de feridos.

Desde o fim da missão de combate da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) em janeiro de 2015, o governo central afegão vem perdendo terreno para os insurgentes talibãs e controla atualmente apenas 57% do país, segundo o Inspetor Especial Geral para a Reconstrução do Afeganistão (Sigar, na sigla em inglês) do Congresso dos Estados Unidos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos