Naufrágio de embarcações com refugiados rohingya mata 6 crianças e uma idosa

Daca, 31 out (EFE).- Pelo menos uma idosa e seis crianças da etnia rohingya morreram no naufrágio de duas embarcações com integrantes desta minoria muçulmana perto da costa de Bangladesh nas últimas 24 horas, informaram nesta terça-feira fontes policiais bengalesas.

Num dos incidentes, uma embarcação na qual viajavam cerca de 40 rohingyas afundou na manhã de hoje na Baía de Bengala perto da costa bengalesa, nas proximidades da região de Jalai Palang, no sudeste do país.

O responsável da subestação policial de Baharchara, Kanchan Kanti, disse à Agência Efe que três crianças e uma idosa morreram no naufrágio de uma embarcação, e que outras 36 pessoas foram resgatadas com vida graças à ajuda dos moradores locais.

Não há informações sobre mais desaparecidos e cinco dos rohingyas envolvidos no acidente foram hospitalizados, concluiu Kanti.

Em outro incidente na Baía de Bengala, ocorrido ontem à noite, três crianças morreram.

"As crianças morreram depois que caíram do colo de suas mães quando o bote se aproximava da margem", disse à Efe Mainuddin Khan, chefe da estação de polícia de Teknaf, que tem jurisdição sobre a área onde ocorreu o acidente.

Desde que explodiu a crise dos rohingyas em 25 de agosto, ocorreram dezenas de naufrágios e incidentes envolvendo embarcações com membros desta minoria, que fugiam de Mianmar para chegar a Bangladesh.

De acordo com fontes policiais, cerca de 200 rohingyas morreram, afogados no mar ou no rio Naf, em sua tentativa de chegar a Bangladesh fugindo de Mianmar desde 25 de agosto, enquanto mais de 600 mil rohingyas conseguiram chegar ao país.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos