ELS rejeita conferência de paz proposta pela Rússia sobre a Síria

Beirute, 1 nov (EFE).- O grupo armado opositor Exército Livre Sírio (ELS) rejeitou nesta quarta-feira a conferência de paz proposta pela Rússia para abordar o conflito no país árabe e a qualificou de "sem sentido", em comunicado publicado no Twitter.

O ELS, que está vinculado à principal aliança política opositora, a Coalizão Nacional Síria (CNFROS), expressou sua repulsa à conferência de Sochi (Rússia), que considera "um esforço russo para se apropriar do processo político, no seu próprio terreno e sob seus termos".

Segundo sua opinião, esta iniciativa não faz sentido porque "envolve atores pró-regime que aparentam ser da oposição". Além disso, o grupo armado opositor manifestou seu apoio ao "processo político legítimo sobre a Síria em Genebra".

Moscou convocou um "Congresso de Diálogo Nacional" no balneário russo de Sochi, no mar Negro, para que os sírios acordem o conteúdo da nova Constituição e convoquem eleições.

Ontem, na última rodada de conversas de Astana para buscar uma solução para o conflito na Síria, foi ventilado o dia 18 de novembro como data de tal reunião.

"O Congresso é encarado como um passo para ampliar o número de participantes do processo negociador ao incluir representantes de todos os grupos étnicos e religiosos que vivem na Síria", explicou o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov.

Sem que ainda haja um acordo definitivo sobre esse encontro, a Rússia já convidou mais de 30 grupos étnicos, entre os quais figurariam pela primeira vez três organizações curdas, inclusive a principal milícia curdo-síria, as Unidades de Proteção do Povo (YPG), o que gerou o protesto da Turquia.

Parte da oposição síria recebeu ontem em Astana com ceticismo a iniciativa, ao opinar que é ambígua, mas Moscou, aliada do governo de Damasco, pediu que o convite seja aceito, já que, caso contrário, quem não comparecer assume o risco de ficar de fora do processo de paz.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos