EUA dizem que votação contra embargo a Cuba na ONU é "teatro político"

Nações Unidas, 1 nov (EFE).- Os Estados Unidos classificaram como "teatro político" a votação contra o embargo a Cuba realizada a cada ano na ONU e acusou o governo de Havana de utilizá-la para "distrair o mundo da destruição que impôs ao próprio povo".

A embaixadora americana para as Nações Unidas, Nikki Haley, confirmou que os EUA votarão nesta quarta-feira contra a resolução anualmente aprovada pela Assembleia Geral, após o governo de Barack Obama se abstido pela primeira vez em 2016.

O texto conta todos os anos com um apoio quase total dos Estados membros da ONU, mas Haley insistiu que os EUA não "têm medo do isolamento" e defenderão seus "princípios" mesmo que sozinhos.

"Enquanto o povo cubano continuar privado dos seus direitos humanos e liberdades fundamentais, enquanto os benefícios do comércio com Cuba apoiarem o regime ditatorial responsável por negar esses direitos, os EUA não terão medo do isolamento", disse a diplomata em discurso prévio à votação.

Haley lembrou que a Assembleia Geral da ONU "não tem poder" para encerrar o embargo americano e disse que a resolução discutida hoje não é mais que "teatro político".

"O regime cubano está enviando ao mundo a mensagem deturpada que o triste estado da sua economia, a opressão do povo e a exportação de sua destrutiva ideologia não é culpa sua", denunciou.

Haley, que dirigiu parte do seu discurso diretamente aos cidadãos cubanos, insistiu que Washington continuará a apoiá-los para que vivam em um país "no qual possam falar livremente e escolher seus governantes".

"A nossa amizade e boa vontade em relação ao povo cubano seguem tão fortes como nunca", insistiu Haley.

O governo de Donald Trump esfriou a aproximação com Cuba iniciada por Obama. Haley criticou nesta quarta-feira a decisão do presidente anterior de abster-se na votação contra o embargo na ONU.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos