Putin chega ao Irã para reuniões bilaterais e cúpula que inclui o Azerbaijão

Teerã, 1 nov (EFE).- O presidente da Rússia, Vladimir Putin, chegou nesta quarta-feira a Teerã, a capital do Irã, para se reunir com o chefe do governo iraniano, Hassan Rohani, e para participar de uma cúpula trilateral que também inclui o Azerbaijão, na qual serão abordadas as relações econômicas e a luta contra o terrorismo.

Em paralelo à cúpula com o mandatário do Azerbaijão, Ilham Aliyev, Putin e Rohani manterão um encontro bilateral para fortalecer a boa relação entre os dois países e sua posição comum sobre o conflito na Síria e as sanções impostas pelos Estados Unidos.

Putin e Rohani já se reuniram em nove ocasiões. A última vez que o presidente russo esteve em Teerã foi em novembro de 2015, enquanto o líder iraniano foi a Moscou em março deste ano.

O presidente da Rússia também se reunirá na capital iraniana com o líder supremo do país, o aiatolá Ali Khamenei.

Rússia e Irã são os principais apoiadores do regime sírio de Bashar al Assad e propiciaram, junto com a Turquia, as conversas de paz sobre a Síria em Astana, no Cazaquistão.

Ontem, o regime de Assad e a oposição síria foram incapazes de chegar a um acordo para a troca de prisioneiros de guerra, um dos principais pontos da agenda na sétima rodada de negociações em Astana.

Além do conflito sírio, espera-se que Putin e Rohani discutam a imposição de sanções por parte dos Estados Unidos, que afetam os dois países.

O presidente americano Donald Trump promulgou em agosto uma lei que impõe novas sanções contra a Rússia por sua atividade militar no leste da Ucrânia, assim como contra o Irã e a Coreia do Norte por seus programas armamentistas.

Por sua vez, a cúpula trilateral entre Irã, Rússia e Azerbaijão é a segunda depois da realizada em Baku em agosto de 2016.

O ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif, afirmou que "a cooperação regional é muito útil para o desenvolvimento econômico dos países e para a estabilidade e a paz na região".

A agenda da cúpula inclui desde a luta contra o terrorismo até a cooperação econômica, em especial a promoção de políticas para impulsionar o corredor de transporte "Norte-Sul", que liga o norte da Europa com a Índia e os países do Golfo Pérsico através de Rússia, Irã e Azerbaijão.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos