Trump ordena endurecimento a vetos para estrangeiros após ataque de Nova York

Washington, 1 nov (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ordenou, na noite de terça-feira, que se "endureça" os vetos a cidadãos estrangeiros depois de ser divulgado que o autor do atentado que deixou oito mortos em Nova York é um imigrante do Uzbequistão.

"Acabo de ordenar ao (Departamento de) Segurança Nacional que endureça nosso programa de vetos, que já é extremo. Ser politicamente correto é bom, mas não para isto!", afirmou o presidente, através de uma mensagem no Twitter.

Trump não especificou qual programa de que ele se referia em seu tweet, nem as medidas ordenadas para seu endurecimento. A Casa Branca também não ofereceu explicações sobre este anúncio.

Pouco antes, o presidente se tinha referido ao Estado Islâmico (EI) em outra mensagem, apesar do grupo terrorista não ter reivindicado, por enquanto, o ataque em Nova York.

"Não devemos permitir que Estado Islâmico volte, ou entre, em nosso país depois de derrotá-los no Oriente Médio e em outros lugares", afirmou Trump.

Veículos de imprensa americanos identificaram o autor do ataque que deixou oito mortos no o sudoeste da ilha de Manhattan, como Sayfullo Saipov, um imigrante uzbeque de 29 anos.

Segundo a "ABC", Saipov chegou aos Estados Unidos há sete anos, beneficiado por um programa que oferece uma loteria de vistos e é acessado por países que têm poucos imigrantes nos EUA.

De acordo com o depoimento de pessoas que estavam no local do ataque, o suposto autor gritou "Alá é grande", em árabe, quando saiu do veículo depois que chocasse contra um ônibus escolar e após atropelar dezenas de pessoas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos