Atentado com bomba mata 3 policiais no oeste do Paquistão

Islamabad, 9 nov (EFE).- Pelo menos três policiais morreram e outros três ficaram feridos nesta quinta-feira em um atentado com uma bomba que explodiu durante a passagem de um veículo de um chefe policial na cidade de Quetta, no oeste do Paquistão, que foi reivindicado pelo principal grupo talibã do país.

"Foi um atentado terrorista contra o diretor-geral adjunto de Telecomunicações e comissário de Transporte da polícia, Hamid Shakeel, quando dirigia-se em um veículo de sua casa até seu escritório", disse à Agência Efe o porta-voz da polícia de Quetta, Mohammed Akbar.

"Morreram ele, seu motorista e outro agente ", detalhou Akbar.

O porta-voz afirmou que desconhecem que tipo de bomba foi usada no ataque, e se o explosivo tinha sido colocado previamente no local ou se um suicida se lançou contra o veículo.

Outros três polícias ficaram feridos no atentado e foram transferidos a um hospital.

O principal grupo talibã paquistanês, Tehrik-i-Taliban Pakistan (TTP), reivindicou a ação em comunicado enviado por e-mail aos meios de comunicação.

"Aceitamos a responsabilidade pelo atentado contra o diretor-geral adjunto Hamid Shakil", indicou o porta-voz do TTP, Mohammed Khurasani, no comunicado.

Quetta, capital da província de Baluchistão, é uma das localidades mais conflituosas do Paquistão, com a presença de grupos armados separatistas, facções talibãs e grupos jihadistas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos