Polícia turca prende 110 supostos membros do EI em Ancara

Ancara, 9 nov (EFE).- Pelo menos 110 supostos membros do grupo terrorista Estado Islâmico (EI) foram presos nesta quinta-feira numa operação policial na província de Ancara, na Turquia, informou a agência de notícias semipública "Anadolu".

As forças de segurança foram nesta manhã em 250 imóveis para prender 245 suspeitos, dos quais 110 foram detidos.

A operação continuava no meio da manhã (hora local) para tentar localizar os outros supostos membros do EI.

Pelo menos 1,5 mil policiais, membros da unidade antiterrorista e do departamento de inteligência do Direção de Segurança de Ancara participam da operação.

Durante a ação, agentes da polícia também recolheram grande quantidade de material digital da organização.

A polícia turca já prendeu mais de 300 supostos membros do EI neste mês de novembro.

Ontem foi detido outro membro do grupo jihadista na cidade de Kayseri, no centro do país, segundo informou o jornal "Hurriyet".

A Turquia sofreu nos últimos anos vários atentados suicidas com centenas de mortes reivindicadas pelo EI.

O último ataque jihadista aconteceu no Réveillon, quando um militante do EI, preso mais tarde, matou a tiros 39 pessoas em uma famosa boate de Istambul.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos