Iraque ordena evacuação de populações próximas de represa afetada por tremor

Erbil (Iraque), 13 nov (EFE).- As autoridades do Iraque ordenaram nesta segunda-feira (data local) a evacuação urgente das áreas situadas sob a represa de Darbandikhan, no nordeste do país, depois de que um terremoto de magnitude 7,2 na escala Richter sacudiu a região e causou danos nessa usina hidrelétrica.

O terremoto abriu fissuras que podem ser vistas na superfície da represa, afirmou o diretor da usina hidrelétrica, Rahman Khani, em um comunicado.

O diretor explicou que, devido à escuridão, ainda não é possível saber a gravidade dos danos, mas fez um pedido à população que vive às margens do rio abaixo da represa para que deixem suas casas para evitar qualquer emergência.

Anteriormente, o ministro de Recursos Hídricos do país, Saad al Janabi, informou que ocorreram deslizamentos de terra numa montanha perto da represa de Darbandikhan, mas que tampouco tinha informações sobre o estado da barragem.

Não obstante, Janabi assegurou que não foram registrados danos na represa de Hamrin, que está perto de Darbandikhan, um fato que considerou "tranquilizador".

O terremoto causou pelo menos 30 mortos e centenas de feridos no Irã e outros quatro mortos e cerca de 500 feridos no Iraque, segundo os primeiros balanços de vítimas.

O terremoto de magnitude 7,2 aconteceu às 21h18 locais de domingo (16h18 em Brasília), perto da cidade iraquiana de Halabja, na região de fronteira com o Irã, e a uma profundidade de 33,9 quilômetros, segundo dados do Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos