União Europeia não descarta fracasso em negociações do Brexit

Paris, 12 nov (EFE).- O negociador da União Europeia (UE) para o Brexit, o francês Michel Barnier, reconheceu que não descarta um fracasso nas negociações para a saída do Reino Unido do bloco e que está preparando alternativas para enfrentar essa eventualidade.

"Não é a minha opção preferida, mas é uma possibilidade. Todo o mundo tem que planejar, tanto os Estados como as empresas. Nós também estamos realizando preparativos técnicos para isso. Em 29 de março de 2019, o Reino Unido será um país terceiro", indicou Barnier em declarações veiculadas neste domingo pela publicação semanal francesa "Le Journal du Dimanche".

O negociador comunitário afirmou que, na cúpula de meados de dezembro, devem ocorrer acordos em diversos aspectos, mas indicou que, apesar de alguns progressos, ainda não se pode dizer que haverá um consenso, por isso ele não descarta um adiamento do prazo.

Assim, é provável que as negociações levem "pelo menos dois anos para serem concluídas", afirmou Barnier, que advertiu sobre as consequências do colapso das negociações em aspectos como "a capacidade de aviões britânicos para aterrissar na Europa".

Se não houver acordo, indicou o negociador, as relações da UE com o Reino Unido serão regidas pelas regras das Organização Mundial do Comércio (OMC) e semelhantes às que atualmente são praticadas em relação à China.

Barnier reiterou a vontade de Bruxelas de que o Reino Unido permaneça na união aduaneira e no mercado comum, mas lembrou que a primeira-ministra britânica, Theresa May, aposta por um acordo comercial.

Outro ponto de divergência com Londres é o relativo à fronteira futura com a Irlanda, um assunto do qual Barnier se mostrou favorável a não estabelecer uma fronteira dura e "a não fazer nada para fragilizar o processo de paz" que "não está tão distante".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos