Terremoto no Irã causa pelo menos 164 mortos e mais de 1.500 feridos

Teerã, 13 nov (EFE).- Um total de 164 pessoas morreram e mais de 1.500 ficaram feridas no terremoto que assolou na noite deste domingo a província de Kermanshah, no Irã, na fronteira com o Iraque, segundo os últimos dados divulgados hoje pelo Ministério da Saúde local.

O vice-ministro da Saúde, Qasem Yan Babaie, disse à agência oficial de notícias "Irna" que é muito provável que o número de vítimas continue aumentando.

Os trabalhos de resgate continuam para procurar sobreviventes do terremoto, que atingiu 7,3 graus na escala Richter.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos