Papa afirma que rezar é um diálogo com Deus e não "falar como papagaios"

Cidade do Vaticano, 15 nov (EFE).- O papa Francisco afirmou nesta quarta-feira aos fiéis que rezar é falar com Deus e não repetir como "papagaios", durante sua catequese na audiência geral realizada na praça de São Pedro.

Francisco abordou hoje o tema iniciado na quarta-feira passada da celebração eucarística e assegurou que não "se entende a missa se não se entende a oração, que é o encontro com Deus".

O papa disse que o principal é "aprender a dizer Pai" e, sobretudo, saber encontrar "momentos de silêncio", ao que acrescentou que na missa "não se fala com quem se senta ao lado"

Também explicou que para rezar bem se necessita "essa capacidade de assombro, de deixar-se surpreender, como têm as crianças, para reconhecer a presença de Deus nas nossas vidas".

"O encontro com o senhor é sempre um encontro vivo, não é como ir ao museu. Vamos à missa, não ao museu", comentou.

Para o papa " a missa é oração, é a oração por excelência, a mais alta, a mais sublime e, ao mesmo tempo, a mais concreta".

O pontífice também reiterou que a missa não é "um espetáculo" como já fez na quarta-feira passada quando repreendeu os fiéis, mas também religiosos e inclusive bispos, que tiram fotos durante a celebração.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos