Submarino com 44 tripulantes está sem comunicação há 48 horas na Argentina

Buenos Aires, 17 nov (EFE).- Aeronaves e navios da Argentina procuram um submarino da Marinha com 44 tripulantes a bordo com o qual se perdeu o contato há 48 horas, informaram nesta sexta-feira fontes do corpo naval.

"No momento, ainda não conseguimos ter contato visual ou por radar com o submarino San Juan", explicou em entrevista à imprensa o porta-voz da Marinha, Enrique Balbi.

"O San Juan funciona com baterias elétricas que é preciso recarregar com regularidade", lembrou Balbín, acrescentando que a última comunicação com o submarino aconteceu na quarta-feira de manhã.

O porta-voz se referiu à versão que vazou nas últimas horas que aconteceu um incêndio no submarino, que "não é uma informação oficial" e acrescentou que "pode ter acontecido uma falha técnica", mas ainda "não se sabe exatamente o que aconteceu".

Foi iniciado o plano de busca do submarino de origem alemã, que se prevê que esteja a 430 quilômetros do ponto mais próximo da costa a sudeste da península de Valdés, na província de Chubut.

A Marinha revelou em comunicado que ordenou a todas as estações terrestres ao longo do litoral argentino "a busca preliminar e estendida das comunicações e escutas em todas as possíveis frequências de transmissão do submarino".

Além disso, esta madrugada, foram designadas duas aeronaves e três navios para a operação de busca e já se entrou em contato com os familiares dos 44 tripulantes que viajavam no submarino para mantê-los informados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos