Bombardeios nos arredores de Damasco deixam pelo menos 9 mortos

Beirute, 27 nov (EFE).- Pelo menos nove pessoas morreram nesta segunda-feira em bombardeios de aviões de guerra não identificados em diferentes áreas de Ghouta Oriental, o principal bastião opositor dos arredores de Damasco, segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Entre os mortos, seis perderam a vida na cidade de Madira; um em Mesraba e outro em Arbin; segundo a fonte, que não descartou que o número de mortos possa aumentar, uma vez que há pelo menos 32 feridos, alguns em estado grave.

O Observatório lembrou que ontem pelo menos 25 pessoas morreram em decorrência de bombardeios e disparos da artilharia governamental contra Madira, Mesraba e Duma.

Essas áreas estão controladas pelas facções islamitas do Exército do Islã e da Legião da Misericórdia.

Esta escalada da violência em Ghouta Oriental acontece antes do começo amanhã em Genebra da oitava rodada de negociações entre uma delegação do governo sírio e outra da oposição, promovidas pela ONU.

No entanto, a equipe negociadora do Executivo de Damasco adiou sua viagem à cidade suíça em protesto pelas decisões adotadas pelos opositores na semana passada em um encontro que tiveram em Riad, onde exigiram a saída do presidente, Bashar al Assad, ao início da etapa transitória à democracia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos