Marinha argentina continuará busca por submarino, mas suspende resgate

Buenos Aires, 30 nov (EFE).- A Marinha da Argentina informou nesta quinta-feira que a partir de agora continuará com as buscas pelo submarino ARA San Juan, desaparecido há 15 dias, mas não com o resgate, já que o tempo de possível sobrevivência dos 44 tripulantes já chegou ao dobro do previsto.

"A integração dos recursos SAR (busca e resgate) disponíveis nacionais, internacionais, estatais e particulares em rede de cooperação destinada à proteção de vidas humanas não encontrou evidência alguma do naufrágio nas áreas exploradas", afirmou o capitão e porta-voz da Marinha, Enrique Balbi, em Buenos Aires.

Perguntado sobre se desta forma as autoridades descartam encontrar sobreviventes, Balbi ressaltou que "até que não haja a localização" do submarino, não será dada uma "confirmação categórica" a respeito, mas alertou que "já se passou o dobro do tempo das possibilidades de resgatá-los".

O Ministério da Defesa e a Marinha continuarão agora com a fase seguinte, que compreende a busca do San Juan no fundo do Oceano Atlântico.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos