Protestos por crise política após eleição presidencial continuam em Honduras

Tegucigalpa, 1 dez (EFE).- Os protestos em Honduras por uma suposta fraude contra o candidato da Aliança de Oposição Contra a Ditadura, Salvador Nasralla, continuam nesta sexta-feira com ações violentas que incluem bloqueios de estradas que ligam grandes cidades do país centro-americano.

As autoridades eleitorais ainda não anunciaram o vencedor do pleito presidencial, mesmo depois que Nasralla e o governante e candidato à reeleição, Juan Orlando Hernández, se autoproclamaram ganhadores em uma votação muito acirrada: 1.332.833 de votos para candidato governista e 1.286.245 para o opositor, segundo os dados oficiais.

Os bloqueios dos simpatizantes da Aliança de Oposição Contra a Ditadura, que tinha Nasralla como candidato, ocorreram em cidades como Tegucigalpa, a capital, San Pedro Sula e La Ceiba, entre outras.

O fechamento de estradas está provocando um caos no país pela paralisação parcial do transporte coletivo, de carga e privado, o que provocou grandes congestionamentos.

Em Tegucigalpa, um dos bloqueios com queima de pneus e outros materiais foi registrado nesta manhã na saída para os próximos municípios de Santa Lúcia e Valle de Ángeles.

Uma ação similar ocorria em uma das principais avenidas, onde os manifestantes começaram a instalar barricadas com pneus e atearam fogo.

As manifestações opositoras começaram na quinta-feira quando Hernández passou a liderar a contagem de votos das eleições gerais de domingo, o que Nasralla tachou de fraude.

Ambos candidatos se autoproclamaram vencedores no próprio domingo, antes do primeiro boletim oficial do Supremo Tribunal Eleitoral (TSE), que então dava vantagem ao opositor, situação que foi revertida.

O TSE tinha previsto anunciar na quinta-feira o vencedor das eleições, mas depois disse que só revelará o nome depois de apurar "uma a uma" as mais de mil atas com inconsistências, uma tarefa que começará nesta sexta-feira.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos