Manifestantes e agentes ficam feridos em protestos contra extremistas alemães

Hannover (Alemanha), 2 dez (EFE).- Agentes e manifestantes ficaram feridos neste sábado durante protestos contra o congresso nacional da Alternativa para a Alemanha (AfD), principal partido da extrema direita no país, em Hannover.

As forças de segurança tiveram que usar canhões de água para dispersar os grupos de jovens que tentavam bloquear o acesso ao centro de convenções onde o evento será realizado. Em diferentes pontos dessa região da cidade foram registrados confrontos entre agentes antidistúrbios e manifestantes.

Pelo menos dois policiais ficaram feridos, sem gravidade. Além disso, um manifestante também se feriu após tentar se amarrar em um tanque metálico e ser retirado pela polícia.

Os protestos começaram por volta das 6h locais, três horas antes do início da convenção da AfD, o que fez com que alguns delegados do partido se atrasassem para chegar ao evento.

O trânsito no entorno do centro de convenções já tinha sido interrompido pelas forças de segurança, que ainda tiveram que expulsar jovens que queriam bloquear as ruas e impedir a chegada dos delegados da AfD ao evento do partido.

Através do Twitter, a polícia de Hannover pediu que os cidadãos fiquem longe de qualquer ato violento durante o dia. Vários protestos estão marcados ao longo do sábado contra o congresso, um deles no centro da cidade, autorizado pelo governo local.

O objetivo principal do congresso da AfD, que termina amanhã, é definir uma nova direção e a linha de atuação do partido, dividido entre uma corrente mais moderada e outra abertamente radical.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos