Atentado com moto-bomba deixa mortos e feridos no Afeganistão

Cabul, 3 dez (EFE).- Pelo menos cinco pessoas morreram e outras sete ficaram feridas neste domingo em um atentado próximo a um evento realizado por simpatizantes do presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, na província de Nangarhar, no leste do país.

Fontes oficiais informaram à Agência Efe que uma bomba colocada em uma moto explodiu por volta das 13h30 locais (7h em Brasília) no centro da capital da província, Jalalabad.

"Estamos investigando se foi só a explosão da motocicleta ou se havia um terrorista suicida envolvido", disse o porta-voz do governo da província de Nangarhar, Attaullah Khogyanai.

Perto do local da explosão, centenas de simpatizantes de Ghani estavam reunidos para mostrar apoio ao governo local.

Por enquanto, nenhum grupo reivindicou a autoria do atentado.

Próxima à fronteira com o Paquistão, Nangarhar é uma das províncias mais inseguras do país e é considerada como um dos principais redutos do grupo Estado Islâmico no Afeganistão. Além disso, também há forte presença de talibãs na região.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos