Houthis lançam míssil contra usina nuclear em construção em Abu Dhabi

(Atualiza com resposta do governo dos Emirados Árabes).

Sana, 3 dez (EFE).- Os rebeldes houthis do Iêmen afirmaram neste domingo que lançaram um míssil de cruzeiro contra uma usina nuclear em construção em Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes Unidos, informou a agência "Saba", controlada pela milícia iemenita.

A "Saba" informou, citando fontes dos houthis, que o míssil "atingiu seu alvo com precisão". No entanto, até o momento o governo dos Emirados Árabes Unidos não reagiu ao anúncio dos rebeldes.

No entanto, o Escritório Nacional de Emergências e Crise dos Emirados Árabes Unidos negou a versão dos houthis. Fontes do órgão disseram à agência estatal "WAM" que nenhum míssil lançado a partir do Iêmen entrou no espaço aéreo do país.

A "WAM", que classificou a informação divulgada pelos houthis como "propaganda", ressaltou que a usina nuclear em construção conta com todos os sistemas de segurança requeridos.

A usina nuclear de Baraka, que começou a ser construída em 2012, deve ficar pronta em 2020. O local receberá quatro reatores atômicos, segundo a Corporação de Energia Nuclear dos Emirados Árabes Unidos.

O país faz parte da coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita que interveio militarmente no conflito do Iêmen em março de 2015, apoiando o governo do presidente Abdo Rabbo Mansour Hadi, deposto pelos houthis, mas reconhecido internacionalmente.

Ontem, o ex-presidente Ali Abdullah Saleh rompeu uma aliança com os houthis depois de enfrentamentos entre membros dos dois grupos da capital. Os confrontos deixaram pelo menos 40 mortos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos