Detroit e Orlando estão entre as cidades menos seguras dos EUA em 2017

Washington, 4 dez (EFE).- Detroit (Michigan), Orlando (Flórida) e Oklahoma City (Oklahoma) foram três das cidades mais inseguras dos Estados Unidos em 2017, segundo um estudo do site "Wallet Hub" publicado nesta segunda-feira e que analisou a situação de 180 municípios do país.

Já Fort Lauderdale (Flórida), Saint Louis (Missouri) e São Bernardino (Califórnia) foram reconhecidas como as três cidades menos seguras do território americano, enquanto Nashua (Novo Hampshire), Burlington (Vermont) e Warwick (Rhode Island) ficaram no pódio das três mais seguras, informou o site em comunicado.

A análise de segurança compara um total de 35 campos que abrangem desde assaltos por pessoa ao nível de desemprego, passando pela qualidade das estradas.

Quanto ao índice de crimes de ódio, em Corpus Christi (Texas) foram registrados 71,8 vezes menos casos que em Boston, a cidade com mais incidentes deste tipo, com 22,25 por cada 100 mil residentes.

Segundo o estudo, em Salt Lake City (Utah) ocorreram 6,8 vezes mais roubos do que em Yonkers (Nova York), onde foram registrados 13 casos por cada mil habitantes.

A capital do país, Washington, teve o maior índice de empregados para a ordem pública do território, com 639 por cada 100 mil residentes, 5,7 vezes o número de trabalhadores da cidade de Irvine (Califórnia), com 113.

Também foram medidas as mortes de pedestres, nas quais Aurora (Colorado) apareceu como o terreno mais seguro, com 0,28 por cada 100 mil habitantes, longe das 7,62 de Jackson (o Mississipi), 27,2 mais vezes.

Sobre o nível de desemprego, Detroit registrou 5,2 vezes mais casos que Burlington, com 10,9% e 2,1%, respectivamente.

O menor índice de população sem seguro foi em Pearl City (Havaí), com 3,8 por cada 100 habitantes, 9,1 vezes menos que Brownsville (Texas), com 34,6%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos