Presidente egípcio afirma que combaterá terrorismo com "toda a violência"

Ismailiya (Egito), 23 dez (EFE).- O presidente egípcio, Abdul Fatah al Sisi, combaterá o terrorismo no país com "toda a violência", segundo declarou neste sábado durante a inauguração de vários projetos na região do canal de Suez, no nordeste do Egito.

"Colocaremos fim ao terrorismo presente no Sinai e nos sacrificaremos pela nossa terra", comentou o presidente e chefe das Forças Armadas em discurso feito de costas para a audiência.

No pronunciamento, que não estava incluído no programa inaugural, o presidente afirmou que os egípcios não devem se preocupar com "nenhuma ameaça estrangeira".

De acordo com o governante, nos últimos meses o canal de Suez, no nordeste do Egito, atraiu investimentos avaliados em US$ 140 bilhões.

Esse discurso foi feito na parte da província de Ismailiya que se encontra no território da península do Sinai, palco de operações militares contra jihadistas.

O presidente da Autoridade do Canal de Suez, Mohab Mamish, detalhou durante a inauguração que o tráfego marítimo cresceu 4,6% neste ano em comparação com o ano passado e que foi registrado um aumento de 5,6% nos investimentos em dólares.

Além disso, destacou que neste mês houve "um avanço histórico", com a passagem diária de 74 embarcações com um carregamento total de 5,2 milhões de toneladas.

Sisi também presenciou a abertura de um dos quatro túneis que estão sendo construídos na região e que ligam as duas margens do canal, assim como duas pontes flutuantes e um projeto de criação de peixes na área do canal, que inclui 4.440 aquários para produzir 700 mil toneladas de peixes anualmente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos