Policiais são agredidos durante festa de Ano Novo nos arredores de Paris

(Atualiza com declarações de Emmanuel Macron e Marine Le Pen).

Paris, 1 jan (EFE).- Uma festa de celebração pelo Ano Novo, em Champigny-sur-Marne, nos arredores de Paris, terminou em agressão a dois policiais, que provocou até manifestação nesta segunda-feira do presidente da França, Emmanuel Macron, e do ministro do Interior, Gérard Collomb.

Os agentes, um homem e uma mulher, se dirigiram ao evento privado, devido queixa de que um grande grupo de jovens estava sendo impedido de entrar. Ao tentar interceder, a dupla foi atacada.

Um dos policiais sofreu fratura no nariz e terá que ficar oito dias afastado do trabalho, segundo veiculou a emissora local "France Info". A parceira, por sua vez, recebeu inúmeros socos no rosto e no golpes no corpo, o que a tirará das ruas por sete dias, ainda segundo a mesma fonte.

As imagens da agressão viralizaram nas redes sociais neste primeiro dia de 2018. Duas pessoas acabaram sendo detidas, por suposto envolvimento com o ataque aos agentes. Nenhuma, no entanto, foi, formalmente acusada de ser responsável por atingí-los.

Através do Twitter, Macron garantiu que os "culpados pelo linchamento covarde e criminoso" serão identificados e responderão pelas ações.

Gérard Collomb, por sua vez, escreveu na mesma rede social que conversou com os dois policiais e garantiu que está fazendo o possível para que "os covardes autores" das violenta ação respondam pelo crime.

"Atacar as nossas forças de segurança, é atacar nossa República", garantiu o ministro do Interior.

A presidente do partido ultradireitista Frente Nacional, Marine Le Pen, lamentou o caso e cobrou rápida reação dos integrantes do governo, do qual é opositora.

"Essas cenas de grande violência lembram que, no nosso país, perdura e se amplifica, junto a ameaça terrorista, uma insegurança que às vezes beira a guerrilha urbana", disse.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos