Intensa tempestade de neve castiga Nova York e seus arredores

Nova York, 4 jan (EFE).- A cidade de Nova York e seus arredores sofreram nesta quinta-feira a tempestade de neve mais intensa da temporada, com vastas áreas da região em estado de emergência e os aeroportos JFK e LaGuardia com suas operações suspendidas.

Mesmo que nenhuma morte tenha sido relatada em Nova York e seus arredores, em outras partes do país onde a tempestade afetou com menor intensidade, fontes oficiais relataram a morte de seis pessoas.

"Esta é uma tempestade muito, muito severa, com fortes ventos e baixas temperaturas", afirmou o prefeito de Nova York, Bill de Blasio, ao fazer um primeiro balanço do impacto da tempestade durante uma entrevista coletiva.

A tempestade começou a castigar nesta manhã as áreas de Long Island, situada ao longo da costa atlântica, e afetou com menor intensidade o interior do estado.

A neve começou a cair com intensidade em Manhattan a partir das 7h30 (hora local), quando muitos nova-iorquinos começavam o deslocamento para os seus respectivos trabalhos, e terminou cerca de oito horas depois.

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, declarou o estado de emergência em várias áreas, incluindo na cidade de Nova York, pouco depois que o temporal começou a castigar a região.

Essa medida permite as autoridades estaduais adotem decisões que se anteponham as das administrações locais, além de ter poderes especiais para lutar contra a tempestade sem a necessidade de aprovação legislativa.

"Não é uma tempestade de neve normal, é uma tempestade de neve com mais ventos de grande velocidade, o que cria uma situação grave", afirmou Cuomo, em entrevista coletiva.

De acordo com dados oficiais, em pontos como Central Park, em Manhattan, caíram 20 centímetros de neve até o início da tarde, enquanto que no Condado de Suffolk, em Long Island, a área mais exposta, chegaram a cair até 35 centímetros de neve.

A tempestade de neve coincide com fortes ventos e rajadas de até 100 km/h, o que representa um problema sério para as equipes que estão trabalhando nas ruas.

"É quase impossível limpar as estradas quando você tem essas rajadas de vento, que voltam a trazer neve sobre as estradas", afirmou Cuomo.

Embora a queda de neve tenha parado no meio da tarde, sexta e sábado espera-se uma forte queda das temperaturas, que Cuomo e De Blasio ressaltam os riscos adicionais.

As previsões indicam que a sensação térmica pode cair para -29 graus Celsius, devido a baixas temperaturas e ventos gelados, especialmente na noite de sexta e madrugada de sábado.

O aeroporto de JFK, um dos principais pontos de entrada nos Estados Unidos, decidiu suspender suas operações e tinha cancelado quase 500 voos com origem e destino para esta cidade.

O terminal nacional do aeroporto LaGuardia teve mais de 600 voos cancelados.

O aeroporto de Newark, no estado de Nova Jersey, que também serve Nova York, seguiu aberto pois está distante da zona do impacto, mas nesta quinta-feira cancelou mais de mil voos programados.

O metrô da cidade de Nova York, que diariamente recebe seis milhões de pessoas, ficou aberto, mas com alguns atrasos, da mesma forma que as linhas de trens.

De Blasio também decidiu declarar uma emergência de inverno na cidade, o que lhe permite, por exemplo, remover com guindastes qualquer veículo que bloqueie a rua.

Segundo as autoridades de Nova York, apenas na cidade nesta quinta aconteceram mais de 80 acidentes de trânsito, na sua grande maioria colisões de veículos, mas em baixa velocidade.

Por outro lado, no estado da Carolina do Norte aconteceram três mortes, na Carolina do Sul outra e em Virgínia, aconteceram mais duas mortes.

Duas das vítimas na Carolina do Norte foram registradas quando uma caminhonete derrapou na estrada e caiu em um barranco. Em Virgínia, um homem e uma jovem morreram atropelados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos