Ciclone "Ava" deixa 6 mortos e milhares de deslocados em Madagascar

Antananarivo, 8 jan (EFE).- Pelo menos seis pessoas morreram em Madagascar durante a passagem do ciclone tropical "Ava", que obrigou milhares de pessoas a deixar seus lares, informaram nesta segunda-feira meios de comunicação locais.

O fenômeno já se afastou da ilha, segundo afirmou o jornal "Madagascar Tribune", mas deixou pra trás graves danos materiais e pessoais em todo o país, inclusive na capital, Antananarivo, onde muitos bairros se encontram alagados.

As autoridades contabilizaram, até o momento, seis vítimas mortais e três feridos, enquanto pelo menos outras duas pessoas estão desaparecidas.

O número total de afetados pelo fenômeno chegou a 63.000, enquanto as autoridades cifraram em 15.000 o total de pessoas que precisaram deixar suas casas.

Por outra parte, 16.000 alunos não poderão frequentar suas escolas esta semana neste país, que costuma ser afetado com frequência por ciclones.

Em março do ano passado, o impacto da "Enawo", a tempestade mais forte em uma década, matou dezenas de pessoas e deixou milhares de deslocados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos