Governo dos EUA reafirma apoio a El Salvador após cancelamento do TPS

San Salvador, 8 jan (EFE).- Os Estados Unidos reafirmaram nesta segunda-feira seu compromisso de "continuar apoiando" El Salvador em diversas áreas, apesar de ter cancelado o Status de Proteção Temporária (TPS) que beneficia milhares de salvadorenhos, disse a embaixadora americana no país da América Central Jean Manes.

Jean disse que os EUA continuarão contribuindo para que haja as "condições de segurança econômica necessárias para que os salvadorenhos não sintam a necessidade de sair".

A embaixadora disse que seu governo está "comprometido a continuar trabalhando com El Salvador para melhorar a segurança, a economia e o clima de investimentos para que existam mais empregos no país" centro-americano.

Jean afirmou que os 18 meses de prorrogação dados pelo governo americano aos salvadorenhos amparados no TPS são uma "boa oportunidade para continuar trabalhando por aqueles que têm a possibilidade de mudar seu status migratório".

A diplomata pediu a todos os setores da sociedade salvadorenha que se unam para buscar soluções para os mais de 190 mil cidadãos beneficiários do TPS.

O governo americano decidiu nesta segunda-feira cancelar o TPS para os salvadorenhos nos EUA, mas lhes dará um período de 18 meses, até setembro de 2019, para que deixem o país ou busquem uma alternativa de regularização.

O Departamento de Segurança Nacional (DHS) justifica a decisão de cancelamento do TPS apontando que "já não existem as condições originais causadas" pelos devastadores terremotos de 2001 em El Salvador, a razão pela qual foi autorizada esta proteção a um total de 263.282 salvadorenhos até o final de 2016, segundo dados oficiais.

O governo de El Salvador, a comunidade salvadorenha nos EUA e ativistas pró-imigrantes vinham batalhando sem descanso nos últimos meses para a manutenção do TPS ou pelo menos para sua prorrogação por seis meses, como o governo fez com o programa para os hondurenhos.

Segundo o governo do país centro-americano, o TPS beneficia mais de 190 mil cidadãos. No entanto, o DHS aponta que este programa ampara mais 250 mil salvadorenhos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos