Estudante de 19 anos suspeita de preparar atentado é detida na França

Paris, 10 jan (EFE).- Uma estudante universitária de 19 anos cumpre prisão preventiva como suspeita de ter preparado um ataque terrorista em dezembro do ano passado, informaram nesta quarta-feira à Agência Efe fontes judiciais.

A jovem, que pertencia à prestigiada Universidade Paris-Sorbonne, planejava o ataque na cidade de Rennes (noroeste da França) com um fuzil AK-47 que tentou conseguir através do aplicativo de mensagens Telegram, muito utilizado pelos jihadistas, informou a imprensa local.

Fontes judiciais informaram que a estudante foi acusada em 21 de dezembro de "se associar a terroristas com a intenção de acometer um ou vários atentados contra as pessoas".

Posteriormente, ingressou em prisão preventiva a pedido da Procuradoria.

A França sofreu desde o início de 2015 uma onda de ataques jihadistas que deixaram 241 mortos e centenas de feridos.

Nesta semana, o ministro do Interior, Gérard Collomb, revelou que um total de 20 ataques tinham sido neutralizados pelas forças de segurança durante 2017.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos