Milhares de peruanos participam de manifestação contra indulto a Fujimori

Lima, 11 jan (EFE).- Milhares de pessoas protestaram nesta quinta-feira em várias cidades do Peru em rejeição ao indulto concedido no último dia 24 de dezembro pelo presidente Pedro Pablo Kuczynski ao ex-governante Alberto Fujimori, que cumpria desde 2009 uma condenação de 25 anos de prisão por crimes contra a humanidade.

A principal manifestação ocorreu em Lima, onde se formaram concentrações em diferentes pontos da cidade, como o Campo de Marte, a praça Bolognesi e o centro do distrito de Miraflores, que depois percorreram pelas ruas até o ponto central, na Praça Dois de Maio.

As manifestações também ocorreram nas cidades do interior do país como Barranca, Ayacucho, Cuzco, Piura e Arequipa, onde grupos civis e sociais protestaram pacificamente, enquanto eram escoltados pela polícia, onde exigiam a revogação do indulto.

"O indulto é um insulto" foi o lema principal da manifestação nacional, onde a presença de membros da Confederação Geral de Trabalhadores do Peru (CGTP), o maior sindicato do país.

Kuczynski concedeu o indulto, com base em razões humanitárias, três dias depois que a facção do fujimorismo liderada por Kenji Fujimori se abstive de votar no Congresso por um pedido de destituição apresentado contra o governante pelos vínculos de uma empresa sua com a construtora Odebrecht.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos