Topo

Centenas de milhares de indianos celebram festa que marca o fim do inverno

14/01/2018 08h06

Nova Délhi, 14 jan (EFE).- Centenas de milhares de indianos desafiaram as baixas temperaturas de janeiro com um banho sagrado na ilha de Ganga Sagar, na foz do rio Ganges, no nordeste da Índia, unindo-se a milhões em todo o país para celebrar a festividade de "Makar Sankranti".

Os fiéis ofereceram suas preces ao deus sol e começaram o dia que com um banho ritual que os crentes consideram de bom agouro em um festival que marca o final do inverno e a chegada de dias mais longos.

"De acordo com as estimativas do governo, mais de 1,3 milhão de pessoas já se banharam em Ganga Sagar e se espera que outras 500.000 o façam ao final do dia", declarou à Agência Efe um oficial de informação e cultura da cidade de Diamond Harbor, na foz do Ganges, Siddhartha Chakraborty.

Para garantir a segurança dos presentes à festividade, que acontece todos os anos, a polícia conta com 500 câmeras de segurança, além do desdobramento de agentes para controlar as grandes aglomerações e evitar acidentes.

Em Délhi, milhares de pessoas foram à margem do contaminado rio Yamuna, um dos mais sagrados para os indianos junto ao Ganges, para tomar um banho sagrado nas primeiras horas do dia.

Um devoto de 20 anos, Mahesh Maharath, explicou à Efe que se trata do primeiro "grande festival do ano, e é preciso banhar-se no rio sagrado na primeira hora da manhã com o estômago vazio".

Maharath espera poder viajar um dia à foz do Ganges, segundo disse.

"Makar Sankranti" é uma das festas mais importantes no calendário hindu e é celebrada também com especial intensidade em outras partes da Índia como nos estados orientais de Andhra Pradesh e Orissa e no nortista Uttar Pradesh sob diferentes denominações.