Polícia realiza operação antiterrorista na Argentina por ameaça de atentado

Buenos Aires, 15 jan (EFE).- A Polícia Federal da Argentina (PFA) desdobrou uma "intensa operação" antiterrorista na cidade de Rosário, no nordeste do país, por ameaças a um centro social da comunidade judia, informaram nesta segunda-feira fontes policiais.

As investigações começaram a partir de um e-mail que advertia sobre um possível atentado no clube União Sionista Argentina de Rosário que ocorreria na última sexta-feira.

"Por causa disso, foram realizadas diversas investigações para estabelecer o ponto de partida de tal e-mail. Os dados obtidos foram vinculados a uma residência particular, de onde teria sido emitida a mensagem, e uma ótica", explicou a PFA em uma nota.

Membros do Departamento da Unidade de Investigação Antiterrorista da PFA desdobraram uma "intensa operação" antiterrorista e um juizado ordenou revistar esse domicílio, em um procedimento no qual foi apreendido "material técnico de interesse para a investigação", como telefones celulares, computadores e outros dispositivos.

Tudo ficou à disposição da Justiça para a realização das perícias correspondentes à investigação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos