Foguete cai e mata criança e funcionário de creche em Aleppo

Beirute, 16 jan (EFE).- Um menino de dois anos e o motorista de uma creche morreram nesta terça-feira atingidos por um foguete que caiu em um jardim de infância na cidade de Aleppo, a maior do norte da Síria, apontou a agência de notícias oficial, "Sana".

Além dos dois mortos, três professoras da creche ficaram feridas, conforme informou a Polícia de Aleppo, que anteriormente tinha dito que o foguete havia caído em cima de um carro que ia para a creche. Outros foguetes foram disparados contra outras partes da cidade e provocaram danos materiais.

A Polícia afirmou que o ataque foi feito por "terroristas" entrincheirados na periferia oeste de Aleppo, de onde lançaram os foguetes contra a localidade.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos confirmou, por enquanto, o falecimento de uma pessoa e informou que várias outras ficaram feridas na queda de projéteis nas proximidades do Hospital Al Zaim e de uma creche.

Aleppo está sob o controle total do Exército sírio desde dezembro de 2016.

A "Sana" apontou que unidades militares prosseguiram hoje o seu avanço frente a grupos armados como a ex-filial síria da Al Qaeda no sul da província de Aleppo, onde recuperaram o controle do Monte Shahid, cerca de 60 quilômetros ao sul da capital homônima da região.

Depois disso, os soldados iniciaram um ataque contra os oponentes a partir do monte e tomaram o domínio de três povoados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos