Enviado dos EUA chega a Jerusalém para reunião com Quarteto do Oriente Médio

Jerusalém, 17 jan (EFE).- O enviado especial da Casa Branca para o Oriente Médio, Jason Greenblatt, chegou nesta quarta-feira a Israel para uma reunião com o Quarteto de Madri, que insiste no compromisso "pela paz", apesar de os palestinos descartarem os Estados Unidos como mediadores, informou à Agência Efe a porta-voz da embaixada americana.

Greenblatt "participará de uma reunião ordinária do Quarteto (EUA, Rússia, ONU e União Europeia) para trocar informações e continuar com o nosso compromisso pela paz", comunicou a embaixada americana.

O enviado de Washington permanecerá na região até a visita oficial do vice-presidente dos EUA, Mike Pence, que estará em Israel nos próximos 22 e 23 de janeiro e que não tem reuniões agendadas com os palestinos.

Desde 6 de dezembro, quando o presidente dos EUA, Donald Trump, declarou Jerusalém como a capital de Israel, o presidente palestino, Mahmoud Abbas, ordenou congelar os contatos com Washington no processo de paz.

O chefe negociador palestino e secretário-geral da Organização para a Libertação da Palestina (OLP), Saeb Erekat, insistiu hoje que os EUA já não são um "parceiro ou mediador ou patrocinador", em sua reunião com representantes do Quarteto.

Erekat disse que é "necessário obrigar" Trump a acatar os princípios e pilares fundacionais do Quarteto, baseados no direito internacional.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos