França lidera iniciativa internacional contra armas químicas

Paris, 19 jan (EFE).- A França acolherá na próxima terça-feira uma reunião ministerial na qual 29 países assinarão um acordo internacional contra a impunidade pelo uso de armas químicas, informou nesta sexta-feira o Ministério de Relações Exteriores francês.

Ainda que por enquanto não se tenha comunicado as identidades dos participantes do encontro, o Ministério garantiu que estará presente o chefe da diplomacia dos Estados Unidos, Rex Tillerson.

Os assinantes se comprometerão a reforçar sua cooperação na luta contra a impunidade de quem usa armas químicas, acrescentou.

Além disso, porão à disposição da comunidade internacional e das organizações encarregadas das investigações "todas as informações que possam colher sobre os responsáveis implicados em ataques químicos".

O Ministério francês ressaltou que na ocasião assinatura do convênio, que estará aberto a novos membros que desejem aderir ao mesmo, será lançado um site para facilitar o acompanhamento das suas atividades.

A França lembrou que as armas químicas, "que quase tinham desaparecido nos últimos 20 anos", reapareceram no cenário internacional no Iraque, na Síria e na Ásia, em poder de Estados ou outros grupos, o que "exige uma mobilização ativa da comunidade internacional".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos