May descarta referendo sobre "Brexit" e garante compromisso europeu

Berlim, 20 jan (EFE).- A primeira-ministra britânica, Theresa May, insistiu neste sábado que não haverá um segundo referendo sobre o "Brexit", bem como que a saída da UE não significará que seu país deixe de pertencer à Europa.

"Não vai haver um segundo referendo sobre a saída da União Europeia", assegurou May em declarações publicadas pelo popular jornal "Bild", onde ratificou que seu Governo levará adiante a decisão expressada pelos cidadãos na consulta de 2016.

"O Parlamento britânico deixou aos cidadãos a escolha e eles se pronunciaram. Me parece importante que os políticos agora cumpram o desejo expressado nas urnas", disse a chefe do Governo britânico, para acrescentar que "deixaremos a UE, mas não a Europa".

May ratificou, além disso, o compromisso "indiscutível" de seu país com a política de defesa e segurança europeia e apontou que esta será a mensagem que levará à próxima Conferência de Segurança de Munique, que acontecerá em meados de fevereiro na capital bávara.

May, que na quinta-feira expressou perante o presidente francês, Emmanuel Macron, seu propósito de reforçar os vínculos em matéria de defesa e segurança, afirmou agora que a saída da UE não significará "romper todas as pontes" entre seu país e Europa.

Ambos países, Alemanha e Reino Unido, devem continuar trabalhando lado a lado e manter a estreita cooperação econômica, pelo bem comum e em defesa dos postos de trabalho que dependem disso.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos