França anuncia que Conselho de Segurança se reunirá para tratar da Síria

Paris, 21 jan (EFE).- O Conselho de Segurança das Nações Unidas realizará nesta segunda-feira uma reunião para abordar a situação na Síria, anunciou neste domingo o ministro de Relações Exteriores da França, Jean-Yves Le Drian, que solicitou essa consulta.

O chefe da diplomacia francesa escreveu no Twitter que a França enfatizará principalmente "a urgência de garantir acesso humanitário" na Síria.

A França tinha exigido essa reunião "devido aos recentes eventos" na Síria, especialmente no enclave curdo-sírio de Afrin, onde soldados turcos entraram para apoiar o avanço sobre o terreno de facções rebeldes sírias.

O governo francês pediu hoje às autoridades turcas que ajam com contenção "em um contexto difícil, no qual a situação humanitária está se deteriorando em várias regiões da Síria por consequência das operações militares empreendidas pelo regime de Damasco e seus aliados".

Essa mesma mensagem foi feita pelos EUA, que pediu que as operações sejam "limitadas em alcance e duração, e minuciosas para evitar baixas entre civis", enquanto a Alemanha advertiu que os enfrentamentos em solo sírio propiciam "riscos incalculáveis" e que é preciso trabalhar pela paz e a estabilidade do país.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos