FSD negam que forças turcas tenham entrado em enclave curdo-sírio de Afrin

Beirute, 21 jan (EFE).- As Forças da Síria Democrática (FSD), uma aliança liderada por milícias curdas e apoiadas pelos EUA, negaram neste domingo que soldados turcos tenham conseguido entrar no enclave curdo-sírio de Afrin, no noroeste do país, como anunciaram as autoridades da Turquia.

O diretor do escritório de Informação das FSD, Mustafa Bali, disse à Agência Efe por telefone que há tentativas por parte das tropas turcas de invadir Afrin, situada no noroeste da província de Aleppo, que foram impedidos pelas milícias curdas e os seus aliados, que controlam esse enclave.

Desta maneira, as FSD reagiam ao anúncio feito pelo premiê da Turquia, Binali Yildirim, que afirmou que os primeiros soldados turcos tinham entrado em Afrin, segundo a rede turca "NTV".

Bali destacou que "há tentativas por parte do Exército turco e a Frente al Nusra (como era denominava a filial síria da Al Qaeda antes de se desvincular deste grupo) de penetrar em Afrin desde o sul, mas as FSD frearam o ataque, ainda que seguem os combates".

A fonte acrescentou que nas últimas horas as tropas turcas tentaram também entrar em Afrin desde o norte, mas assegurou que também foram repelidas pelas FSD.

"Não houve nenhum avanço das forças turcas", concluiu Bali.

Por sua vez, o Observatório Sírio de Direitos Humanos confirmou que há combates entre as forças turcas e as FSD em Bilbile e em Yindiris, por onde o Exército da Turquia tenta chegar respaldado por facções sírias.

Nas últimas 24 horas, pelo menos sete civis faleceram pelos ataques aéreos e de artilharia da Turquia contra Afrin, de acordo à última contagem do Observatório.

Ontem a Turquia iniciou uma ofensiva contra essa região, que começou com disparos de artilharia e bombardeios da aviação, e que, segundo as autoridades turcas, prossegue neste domingo com o lançamento de uma incursão terrestre.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos