No ABC, Lula se diz tranquilo e garante que continuará lutando até morrer

São Paulo, 24 jan (EFE).- O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que está "tranquilo" sobre o resultado do julgamento de segunda instância de sua condenação que acontece nesta quarta-feira em Porto Alegre e assegurou que continuará "lutando" até o dia em que morrer.

"Estou tranquilo, tenho certeza que não cometi nenhum crime, e a única decisão é eles, por 3 a 0, dizerem que o juiz (Sérgio) Moro errou ao dar a sentença", declarou Lula na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo.

"Se vai acontecer ou não eu não sei, mas a única coisa certa e justa seria isso", acrescentou.

O ex-presidente, de 72 anos, se reuniu esta quarta-feira com centenas de sindicalistas, enquanto em Porto Alegre a oitava turma do Tribunal Regional Federal (TRF-4) decide se ratifica, modifica ou anula a sentença de nove anos e meio de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro decretada pelo juiz Sérgio Moro em primeira instãncia.

Enquanto seus apoiadores o saudavam com gritos de "Lula presidente", o ex-governante disse ter "segurança absoluta" de que não cometeu "nenhum crime".

"Teremos muito tempo pela frente para tentar mostrar o equívoco e as mentiras contadas contra o PT e o Lula", ressaltou.

O ex-presidente, que é réu em sete processos na Justiça, a maioria por corrupção, insistiu que os desembargadores que o julgam hoje em Porto Alegre "têm a consciência menos tranquila" que a dele.

Lula lidera todas as pesquisas de intenção de voto para as eleições presidenciais de outubro, mas suas aspirações de voltar ao poder podem chegar ao fim no Tribunal Eleitoral Superior (TSE) se o TRF-4 ratificar a condenação por corrupção.

No processo em questão, em primeira instância, o juiz federal Sérgio Moro considerou provado que a construtora OAS deu ao ex-presidente um apartamento no Guarujá, no litoral paulista, em troca de favorecer a empresa em contratos com a Petrobras.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos