Bombardeio equivocado da coalizão internacional mata 7 policiais iraquianos

(Atualiza com reação da coalizão internacional).

Bagdá, 27 jan (EFE).- Um bombardeio equivocado feito pela coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos na cidade de Ramadi, na província de Al Anbar, no leste do Iraque, matou sete policiais iraquianos e deixou outros dez feridos.

Uma fonte de segurança informou à Agência Efe que está entre as vítimas um oficial de inteligência. O chefe da polícia de Ramadi, Abdelsalam al Abidi, ficou gravemente ferido no ataque.

O incidente ocorreu quando o grupo ia para um bairro da cidade após um tiroteio. Um soldado das forças antiterroristas iraquianas, que contam com o apoio da coalizão, já tinha morrido no confronto.

Segundo a fonte consultada pela Efe, a coalizão confundiu a chegada dos policiais como um reforço para os terroristas.

"Isso ocorreu devido à falta de coordenação entre o Comando das Operações Antiterrorismo da região e a polícia", disse.

O Comando das Operações Conjuntas do Iraque, que colabora com a coalizão internacional na luta contra o grupo Estado Islâmico (EI), abriu uma investigação para descobrir o que ocorreu.

Em comunicado, o órgão informou que as tropas foram para região para prender um líder terrorista identificado como Kalim al Samarmad e membros de uma célula que organizava atentados contra as forças de segurança e civis.

Durante a operação, segundo a nota, os terroristas lançaram granadas contra os soldados, que recuaram. Foi quando eles viram uma "concentração de homens armados que não faziam parte da operação" e, portanto, acabaram atacados por aviões da coalizão.

O porta-voz da coalizão internacional, coronel Ryan Dillon, disse no Twitter que os fatos estão sendo investigados, mas ressaltou que qualquer operação é "pedida e feita com a aprovação do Iraque".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos