Promotoria acusa de terrorismo autor de atentado com caminhão em Estocolmo

Copenhague, 30 jan (EFE).- A Promotoria sueca acusou nesta terça-feira formalmente de terrorismo o uzbeque Rakhmat Akilov, autor confesso do atentado com um caminhão no centro de Estocolmo no qual morreram cinco pessoas em abril.

Akilov, que além disso deixou 14 feridos, tentou sem sucesso detonar uma bomba feita com bicos do gás de butano e objetos de metal, segundo o documento de acusação apresentado hoje perante um Tribunal de Estocolmo, no qual é acusado também tentar matar outras 130 pessoas.

Ainda que tenha atuado sozinho, o promotor afirma que discutiu anteriormente a possibilidade de cometer um atentado com outras pessoas, recebeu informação de como fabricar bombas e, desde o caminhão roubado que usou no ataque, trocou mensagens e enviou fotos a um indivíduo.

O uzbeque, de 39 anos e que tinha uma ordem de expulsão da Suécia após ter sua solicitação de asilo rejeitada, tratou de convencer outro peticionário checheno residente na região de Skåne (sul do país) para que o ajudasse a "atropelar infiéis" um mês antes do atentado.

A acusação ressalta também o interesse de Akilov pelo grupo terrorista Estado Islâmico (EI) e que, antes do ataque, viu no seu celular um "discurso islâmico" que incluía a expressão "é hora de morrer" e que gravou jurando lealdade a essa organização.

As autoridades suecas já tinham confirmado dias após o atentado as simpatias do uzbeque pelo EI, que segundo a acusação se ofereceu para realizar um atentado em nome da organização, ainda que este grupo nunca tenha reivindicado a autoria do ataque.

Akilov, que inspecionou e tirou fotos de várias ruas do centro da capital sueca em dias prévios ao ataque, percorreu quase 600 metros de um calçadão de Estocolmo em 7 de abril, quando atropelou dezenas de civis antes de bater o veículo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos