Putin expressa condolências a Trump por massacre em escola da Flórida

Moscou, 15 fev (EFE).- O presidente da Rússia, Vladimir Putin, expressou nesta quinta-feira suas condolências a seu homólogo dos Estados Unidos, Donald Trump, após o massacre em uma escola da Flórida que deixou 17 mortos e 14 feridos, informou o Kremlin.

"Vladimir Putin expressou seus pêsames ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pela tragédia na escola da cidade de Parkland, na Flórida", afirma a nota oficial.

Putin também enviou palavras de apoio aos familiares dos mortos e desejou uma rápida recuperação às vítimas do massacre, acrescenta o comunicado.

Dezessete pessoas morreram ontem na Flórida em um tiroteio ocorrido em uma das escolas de Parkland, no 18º incidente mortal deste tipo nos EUA neste ano.

O suspeito de cometer os homicídios é o ex-aluno Nikolas Cruz, detido após o ataque.

Segundo fontes oficiais, Cruz, de 19 anos, executou o massacre armado com um rifle semiautomático e vários carregadores com munição.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos