Onda de frio deixa ao menos 38 mortos no centro e no leste da Europa

Budapeste/Praga, 1 mar (EFE).- Pelo menos 38 pessoas morreram no decorrer desta semana nas regiões central e sudeste da Europa devido à onda de frio que marcou temperaturas de até -25 graus centígrados.

O maior número de vítimas foi registrado na Hungria, onde 21 pessoas morreram entre domingo e ontem, informou nesta quinta-feira a ONG Fórum Social Húngaro.

"A maioria das vítimas eram pessoas doentes e idosas, assim como gente que vive na miséria", indicou a ONG, que detalhou que a maior parte delas morreu dentro de casa por falta de calefação.

Na República Tcheca, oito pessoas morreram nos últimos dias por causa do frio, cinco delas ontem, informaram hoje veículos da imprensa tcheca.

As temperaturas mais baixas do país foram registradas nos Montes Metalíferos, no noroeste do país, onde o termômetro chegou a -25,2 graus.

Quatro pessoas morreram na Eslováquia, enquanto na Romênia foram contabilizadas outras duas mortes por causa do frio.

Nesse país, o mal tempo obrigou as autoridades a tomarem medidas como o fechamento das escolas na capital Bucareste e em outras cidades.

Além disso, a rodovia entre a capital romena e a cidade litorânea de Constança teve que ser fechada, assim como dezenas de estradas.

Segundo a polícia romena, mais de 100 conexões de trem e 15 voos também foram cancelados.

Na Sérvia, duas pessoas morreram de hipotermia por causa da onda de frio que afeta o país esta semana e que registrou hoje temperaturas de 24 graus abaixo de zero.

Dois homens, de 49 e 75 anos, respectivamente, foram encontrados mortos em diferentes pontos do leste do país.

Na Eslovênia, um homem morreu de frio na quarta-feira em Maribor, ao ficar inconsciente após cair no chão do quintal de sua casa, para onde tinha saído para cortar lenha, informou a agência "STA".

Outro homem, de 79 anos, foi encontrado em estado grave por hipotermia na mesma cidade.

No nordeste do país, onde fica Maribor, as temperaturas seguem abaixo dos 20 graus negativos.

De acordo com as últimas previsões, a temperatura deve começar a subir a partir do fim de semana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos