May tentará manter Reino Unido nas agências europeias após o "Brexit"

Londres, 2 mar (EFE).- O Reino Unido negociará com Bruxelas uma maneira continuar associado a agências europeias como a do Remédio (EMA), a Agência Química Europeia e a Agência Europeia de Segurança na Aviação após o "Brexit", revelou nesta sexta-feira a primeira-ministra britânica, Theresa May.

Em um amplo e esperado discurso pronunciado em Londres, May expôs em detalhes qual é a estratégia do seu governo para a próxima fase das negociações com a União Europeia (UE).

Ao explicar os seus planos, a primeira-ministra indicou que quer explorar maneiras de como o Reino Unido pode continuar associado a organismos europeus após se retirar da UE, por isso "aceitaria, certamente, que isso requer se submeter à regulamentação dessas agências".

Além disso, se ambas as partes chegarem a um acordo nesse sentido, o governo de Londres concordaria em fornecer "uma contribuição financeira apropriada" a esses organismos.

"Uma filiação associada a estas agências é a única maneira de cumprir com nosso objetivo de garantir que esses produtos têm que se submeter a uma série de autorizações, em um só país", explicou a líder conservadora.

May acrescentou, além disso, que se a UE "negociar uma filiação associada" do Reino Unido a esses organismos europeus, o país poderia, por sua vez, continuar proporcionando seu "conhecimento técnico".

"Em terceiro lugar, a permanência associada poderia permitir que as empresas do Reino Unido resolvessem certos desafios relacionados às agências mediante tribunais britânicos, ao invés de fazê-lo através da Corte Europeia de Justiça", disse.

A premiê apontou que se o Reino Unido puder passar a ser um membro associado dessas instituições, os problemas poderiam se resolver em tribunais britânicos.

Entre seus argumentos, May lembrou que em questão de remédios, os reguladores britânicos avaliam um maior número de novos medicamentos do que qualquer outro país do bloco.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos