França pede a Israel que proteja civis na Faixa de Gaza

Paris, 1 abr (EFE).- O governo da França pediu neste domingo que Israel proteja os civis na Faixa de Gaza, onde 15 palestinos morreram e 1.400 ficaram feridos em um protesto na sexta-feira, solicitando a retomada das negociações da paz na região.

"A França pede às autoridades israelenses que cumpram com o dever de proteger os civis e solicita que atuem com o máximo comedimento", afirmou hoje em comunicado o Ministério das Relações Exteriores.

Além disso, o governo francês afirmou que os palestinos têm o direito de se manifestar pacificamente.

A França também pediu o fim da "crise humanitária" na Faixa de Gaza e das medidas restritivas impostas por Israel na região.

"Pedimos que as duas partes se sentem urgentemente para negociar, para que se ponha em andamento a solução de dois Estados, a única medida que garantirá uma coexistência pacífica e estável", ressaltou a Chancelaria francesa no comunicado.

Milhares de palestinos participaram na sexta-feira de um protesto perto da fronteira com Israel, que foi reprimido pelos soldados israelenses com munição real e bombas de gás lacrimogêneo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos